Confesso   2 comments


 Confesso

 

 Amado meu.

 Eu,

Coração incandescido,

 Tanto tempo amortecido

 Venho agora acalentar.

 Os sonhos que foram perdidos,

Tempo e alma iludidos,

Como pássaros mágicos

 Hoje os vejo revoar.

 Corto o coração do bendito,

Que haja uma vez dito

Que morria,

Mas iria onde eu fosse,

Tudo isso por me amar.

Amo de corpo, alma e espírito!…

 És de Deus meu eleito,

 Bate dentro em meu peito

Um coração pra te amar.

 

Denise Figueiredo

 " In Respostas"

©

 

 

 

Anúncios

Publicado setembro 9, 2009 por Denise Figueiredo em Poesias

2 Respostas para “Confesso

Assinar os comentários com RSS.

  1. Confesso, (…) Na profusão das idéias misturam-se enredosO mistério permanece por sua originalidadeImpossível denunciar todos os seus segredosO maior deles é revelar a sua simplicidadeTeu caminhar seguro em passo cadenciadoSingelo, marcado em direção às estrelasTeu perfume embriaga minha alma insípidaMelhor, ele fica depois que tenha passado (…)(Do Poema Você por J. Assaf)Obrigado pela visita, minha amiga. Saudade de você.Abraço carinhoso.

  2. Olá minha querida amiga!Eu enviei este poema, devidamente creditado, a um grupo de amigos e amigas.A este grupo apenas envio poemas escrito por mulheres. Gosto muito dos seus escritose enviando este seu poema prestei-lhe justa homenagem. Um abraço fraterno.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

De Janeiro a Janeiro

by Mariana Alcântara

Espaço de Celina

Criação literária de Celina Bittencourt

Paulo Alexandre Henriques

Escritor e Poeta português

Gotasdepoesia's Blog

Just another WordPress.com weblog

%d blogueiros gostam disto: